Seguidores

sábado, 2 de maio de 2015

Maio enfeitado de rosas

Ainda que tenham os espinhos, gosto muito de rosas, se calhar até são os espinhos que têm as rosas e não o contrário, seja como fôr, é tal qual a vida, se não tivesse alguns espinhos não tinha beleza nenhuma.
E, porque diz-se que Maio é o mês de Maria, das rosas, das mães (aqui celebramos o "dia da mãe" amanhã, domingo: dia 03 de Maio) lembrei-me de "colher" rosas para todas as mães que passarem por aqui, desejando um feliz dia e um mês de Maio bom.
Espero que gostem.











Também se diz que Maio é o mês dos burros, por tal não queria deixar a oportunidade para dizer que o burro foi um animal muito útil ao longos dos tempos, basta lembrar que transportou Maria e o Menino Jesus; mas pela informação que tenho, não é por esse motivo que Maio era considerado mês dos burros, era por as burras emprenharem neste mês de Maio e como andam doze meses prenhas, os burros nascem em Maio. 
Em tempos idos, em Forninhos até havia o costume de comer-se uma castanha no 1.º dia do mês de Maio, antes de se ver o burro, para não ser enganado e perguntava-se:
- Já comeste a castanha hoje? Senão o burro engana-te!
Se por acaso se esqueceu da comer...se ouvir o burro ou passar por um...

38 comentários:

  1. Mais uma vez por aqui aprendi. Não sabia que Maio é o mês dos burros.

    Adoro rosas, sendo as amarelas e alaranjadas as minhas preferidas.

    Feliz dia das mães...amanhã.

    Beijinhos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Dizia-se que Maio é o mês dos burros!
      Mas como já não há por lá (Forninhos) nenhuma burra, não podem nascer burros e presentemente Maio é só o mês de Maria, das rosas, das mães.
      Beijinhos.

      Eliminar
  2. A proposito de rosas.
    A vida tem espinhos, mas aprenda a colher as rosas.
    (Adriano Soares.)
    Melhor é abraçar os espinhos da verdade do que as rosas da ilusão.
    (Jordan Gonçalves de Souza.)
    A melhor roseira nao é aquela que tem menos espinhos, mas a que produz as mais belas rosas.
    (Henry Van Dike.)
    (in Citador)
    Feliz dia das maes bom fim de semana.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Grande verdade: "Melhor é abraçar os espinhos da verdade do que as rosas da ilusão" e para colher as rosas só precisamos ter algum cuidado com os espinhos, se bem que um arranhão não faz mal a ninguém, pelo contrário, ensina-nos ter mais cuidado da próxima vez!

      Eliminar
  3. Adorei as rosas e desejo às mamães de Portugal um lindo e feliz dia amanhã! Adorei a história dos burros...Valeu! bjs, chica

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A história do burros é uma das tradições que os tempos modernos não nos deixam preservar, mas para que não fique coberta pela pátina do esquecimento falamos dela aqui também.

      Eliminar
  4. Sao rosas, simples e belas, "colhidas" pela manha no segundo dia de Maio. Mes delas, bastantes mas poucas para oferecer a qualquer mae do mundo uma simples petala, por tal fica o sentimento que o seu perfume signifique um beijo e um carinho a todas as maes em qualquer parte do mundo.
    Para a minha, escolha a que mais lhe agradar, que mesmo na distancia, eu a beijo no olhar.
    Aceite estas rosas mae e obrigado!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. São rosas, Senhor!
      Por momentos fizeste-me lembrar o 'Milagre das Rosas' um dos contos mais conhecidos em Portugal que conta que a Rainha Isabel, saiu do Castelo numa manhã de Inverno para distribuir pães aos mais desfavorecidos. Ao sair, deparou-se com D. Dinis, que lhe inquiriu onde ia e o que levava no regaço. Tendo a Rainha Isabel respondido: São rosas, Senhor!
      O Rei D. Dinis, muito desconfiado, retorquiu: Rosas, em Janeiro?
      Quando então a Rainha Isabel, expôs o que levava em seu vestido e ali surgiram rosas, ao invés dos pães que ocultara.

      Eliminar
  5. Como mãe agradeço as rosas, embora não seja das minhas flores predilectas. Muito bonitas sim, mas eu prefiro as violetas e os amores-perfeitos.
    Peço desculpa pela ausência, este ano começou muito mal para mim a nível de saúde. Um abraço e bom fim de semana

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu gosto muito de rosas, mas ainda gosto mais de camélias, de cor rosa, branca, vermelha e matizadas de branco e vermelho...qual delas a mais bonita :-)
      Feliz dia da mãe com muita saúde.

      Eliminar
  6. Obrigada, Paula, pelas lindas Rosas! Bonita mensagem e gostei de saber dos burros...
    Por aqui é comemorado no 2o domingo de Maio...

    Beijinhos e uma boa noite...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Bom dia, Anete.
      Realmente o dia da mãe é comemorado no mundo em domingos diferentes, mas há uma máxima, que ninguém pode negar: “Mãe há só uma e mais nenhuma".
      Beijinhos.

      Eliminar
  7. É o que se pode chamar um "mar de rosas", essa bela postagem que homenageia mães e, ainda, nos brinda com a interessante "passagem" sobre burros. Quanto aos espinhos, é sempre bom se desviar deles. Por aqui, não sei por outras partes, já há roseiras sem espinhos, geneticamente modificadas...mas, não há graça nenhuma: negam as suas origens rsrs ...
    Feliz Dia das Mães!.. Como disse a Anete, o "nosso" dia só no dia 20 de maio- 2º domingo!
    Beijos"

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Antes, numa época não muito distante dos nossos dias mas, o suficiente, para que a juventude de hoje não tenha disso recordação, Maio era o mês dos burros e não das Mães, até porque o Dia da Mãe, era no dia da Imaculada Conceição, no dia 8 de Dezembro; depois, passou a comemorar-se no 1.º Domingo de Maio.
      Nunca vi dessas roseiras que fala, mas por tal é que a vida tem a graça que tem.
      Beijos e bom domingo.

      Eliminar
  8. Bom dia, as rosas são lindas, agora percebo a razão que no Algarve se faz o Maio com bonecos em pano que representam pessoas e burros, desconhecia que Maio é o mês dos burros.
    AG

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A identificação do Maio com o burro, poderá ter a ver com o nascimento dos burros, mas poderá ter outras interpretações!
      Em certas localidades de Trás-os-Montes por exemplo,"burro" é também o nome que se dá a uma espécie de aranha, que ataca as palheiras. Por lá até há o costume de colocar "maias" nas portas. Dantes simbolizadas não por flores, mas por castanhas.
      Na nossa terra, por exemplo, continuamos a observar nesta data (03 de Maio, dia de Santa Cruz) a praxe de colocar-se cruzes feitas de madeira nos campos e ir em procissão de ladaínhas, a rezar e pedir que N.S. dos Verdes e todos os santos e santas livrem as culturas da desgraça das pragas.
      A igreja católica, nesta parte, também mais não fez do que adoptar os ritos pagãos já existentes "há séculos".

      Eliminar
  9. Portugal inteiro, mas sobretudo as aldeias do interior genuino e ainda um pouco real em gostar de recordar coisas antigas, como as Beiras, as «Maias» estão associadas às castanhas, que muita gente guarda de propósito para esta data. No 1º de Maio deviam-se comer castanhas. Caso contrário, ao passar-se por um burro, este atirava-se à pessoa e mordi-a.
    Diz o ditado «quem não come castanhas no 1º de Maio, monta-o o burro». Isto porque Maio é o mês dos burros, como afirma o povo. O uso de comer castanhas secas em Maio, terá a ver com a tradição muito antiga de no 1º dia o chefe de família ir à fonte e esconjurar ou afastar com favas pretas os espíritos (o «Maio») da sua família. Daí a expressão «Vai à feira e traz-me as maias (as castanhas piladas)».
    Singularidades de um povo e costumes das suas gentes.
    Por cautela, o melhor sera guardar castanhas para este dia, nao va o burro fazer das suas e alguem ficar com as suas orelhas...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois é Xico, que sabemos nós da estória "já comeste a castanha hoje? Olha que o burro engana-te", anterior ao que os nossos avós e os deles contavam?
      Os historiadores a quem a autarquia pagou para escreverem a história da terra dos nossos avós é que tinham obrigação e o dever de tal mencionar e, assim, nos informar a nós, netos de Forninhos, das nossas tradições, mas é o que sabemos...estavam mais virados para outras menções...
      Já quanto às castanhas piladas, os tempos hoje são outros e é normal a venda de castanhas durante todo o ano, mas antigamente só se comiam castanhas frescas no Inverno ou então pilavam-se para comer durante os meses seguintes. Havia sempre quem as guardasse de propósito para o 1.º de Maio, lembro-me bem da minha avó Coelha nesse dia oferecer-me a castanha e eu, claro, rilhava-a com gosto e assim já podia ouvir o burro ou passar por ele, pois ficava "vacinada" para todo o ano.
      Desde sempre o Homem tentou proteger-se!

      Eliminar
  10. Obrigada, Paula. As rosas são lindas!
    Quanto aos burros, já nem me lembrava que a gestação fosse tão longa, e quanto à castanha, acho deveria comê-la, mesmo raramente vendo burros de quatro patas por aqui...;-)
    Adoro ler os comentários!
    xx

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada eu, Laura!
      Maio, mês dos burros, come-se a castanha para o burro não nos enganar, só que agora o burro já não nos engana porque já não há burros em Forninhos (de 4 patas).
      Se quando os havia era difícil encontrar quem tivesse castanhas, hoje o difícil é encontrar uma burro de quatro patas ;-)
      Bj**

      Eliminar
  11. Oi Paula!
    Saudades desse cantinho com estorias sempre interessantes pra se ler, essa dos burros adorei!
    Aqui o mês de maio é também o mês das flores, de Maria, das mães,das noivas, e o dia das mãe é super esperado, principalmente pelo comércio, que só perde para o natal em vendas, imagina só...
    Amei as rosas, um show! As rosas são umas das minhas flores preferidas.
    Parabéns as mães de Portugal pelo seu dia, aqui será no próximo domingo.
    Beijos!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Fátima, por causa do comércio e Natal também, é que aqui (Portugal) o Dia da Mãe, que era dia 8 de Dezembro, passou a comemorar-se no 1.º Domingo de Maio.
      Maio é um mês de muitas datas comemorativas e aqui também se diz que é o mês das noivas e até das trovoadas!
      Beijos e boa semana.

      Eliminar
  12. Tenho no meu jardim/quintal duas roseiras que o pé da rosa só ganha espinhos quando este atinge uma determinada espessura, ou seja todos os rebentos do tronco principal só ganha espinhos depois de dar a rosa e passado alguns meses. Uma amarela e outra rosa matizada. Fotografei, hoje algumas que coloquei no Face, em homenagem a minha mãe e minha sogra, que para mim também é mãe.
    Castanhas piladas, em criança, minha mãe, providenciava sempre uma para cada filho, claro para o dia 1 de Maio. Nunca mais liguei a isso, até porque estou imune, nasci em Abril (uma graça).
    Mas atenção, andam p´ra aí alguns de duas patas e orelhas compridas.
    Bom dia da Mãe.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Nasceste em Abril, tiveste sorte ;-) Março já era um mais complicado para os burros...
      Lembras-te de quando uma criança cortava o cabelo dizerem: “foste à tosquia como os burros”?
      Não tenho a certeza, mas acho que este tipo de “brincadeira” respeitava a quem cortava o cabelo no mês de Março, pois é o mês da tosquia dos burros (de 4 patas).
      Dos de duas patas é que todo o cuidado é pouco. Obrigada pelo "alerta"...andam p´raí alguns que nem aprendem com os erros do passado...nem tiram nada da cabeça deles! Arre burros!!!
      Boa semana, Henrique.

      Eliminar
  13. Obrigada...E que lindas Rosas, que eu amo tanto!
    Feliz dia das mães!
    Beijos,
    Mariangela

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Igualmente Mariangela,
      Beijos.

      Eliminar
  14. "...diz-se que Maio é o mês de Maria, das rosas, das mães...", assim reza o texto acima, que refere os espinhos que as suportam.
    Maio, por excelencia e devocao, o mes das pereginacoes a Fatima, Altar do Mundo, de gentes de todos os continentes que na procissao da Senhora, lhe trazem trazem e atiram, petalas de flores brancas, da mesma cor com que vai decorada na passagem pelo Santuario.
    Da mesma cor dos acenos de lencos brancos no adeus.
    Nem todos os caminhantes la chegam fisicamente, muitos vao ficando pelo caminho por atropelos inesperados e inusitados na sua caminhada de esperanca, chova ou faca sol em companheirismo e tantas vezes de noite para fugir ao calor.
    Ali chegados exaustos, uma rosa, flor ou cravo agarrado ao bordao, rebentam de felicidade.
    Neste ultimos dias, muitos nao chegaram, ficaram mortos pelo caminho, o mesmo que percorriam quase todos os anos em direccao a Fatima,
    Cinco mortos e varios feridos, vitimas de uma tragedia inusitada.
    Nao vao poder ver as rosas brancas nem os lencos da mesma cor, mas a mesma uniao estara presente nas suas homenagens funebres e o adeus sera sentido da mesma forma, ainda que o coracao dos seus familiares e amigos, estejam a sangrar cravados de espinhos...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito bonito sim Sr! (pena aqueles mortos e feridos), mas fizeste bem falar de Maio, como o mês de Maria.
      Falas das pétalas, do género lembro-me em Forninhos, dentro da Igreja atirar-se pétalas para o altar de N.S. de Fátima, mas isto no último dia do mês de Maio, no final do terço (havia terço todos os dias e acho que ainda há).
      Viver é recordar e sinto presente o toque suave dos meus dedos de criança nas delicadas pétalas de rosas.

      Eliminar
    2. P.S- Houve um ano que fomos especialmente à Capela da Senhora dos Verdes rezar o terço e atiramos as pétalas para o altar de Nossa Senhora.
      Hoje, dia da mãe, também foi dia de "Santa Cruz - dia do Voto - celebrou-se a missa na Capela, pelas 08h30, sendo que a procissão saía da igreja às 08h00 (pasme-se!) e fizeram "tábua rasa" às mães!
      Dá ideia que têm palas nos olhos e só as retiram para o que "eles" querem!

      Eliminar
  15. Magnificas flores e belas rosas, aqui está a primavera no seu esplendor.
    Um abraço e uma boa semana.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Na Primavera flores há que deslumbram pelo seu cromatismo, mas no mês de Maio as rosas sobrepõem-se!

      Boa Primavera e cont. de boa semana.

      Eliminar
  16. Ora aqui está algo que eu não conhecia!
    Que belo roseiral!
    Por aqui já se contempla tal beleza!
    Bj

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pelas exclamações, valeu o post ;-)
      Beijo Graça.

      Eliminar
  17. Boa noite Paula, considero que o dia mãe é todos os dias, mas quem não gosta de um carinho no seu dia? Por esse facto agradeço o seu carinho, pois escolheu uma selecção de magnificas rosas! Qual delas a mais bonita!
    Já não me recordava que Maio era o mês dos burros, animal pelo qual nutro simpatia embora um dia (há mais de meio século) tivesse sido atirada em alta velocidade e à distancia por um que se espantou;))!
    Biejinhos e boa semana.
    Ailime

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. (Paulça desculpe os erros e lapsos, mas estou muito cansada;))!
      Bjs e uma boa noite. Ailime

      Eliminar
    2. Presumo que a Ailime ficou estendia pelo chão fora, mas são estes episódios vividos que dão graça à vida :-)
      Quanto ao cansaço é algo que me está a acontecer também.
      Beijinhos e uma noite descansada.

      Eliminar
  18. Obrigada, aqui também comemoramos os dia das mas é sempre no segundo domingo do mês. Lindas flores, eu adoro rosas mas elas não gostam de mim pois planto e nunca dá. Amei o dia do burro, coitado do bicho, meu sonho era ter um burro, um dia me pai comprou, menina eu saia toda feliz para passear com ele, voltava sozinha e a pé, ele empacava no meio do caminho e não tinha cristo que fizesse andar. As vezes eu abandonava ele de braba no meio do caminho, acredita que ele chegava em casa primeiro que eu. Desisti do burro. hahaha
    Bjos tenha um ótimo dia.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. :-))))
      Pois é Anajá, o burro está associado a pessoas pouco inteligentes, mas um vizinho que tive, a quem chamavam o tio Agostinho “gira-discos” é que tinha razão. Dizia que o burro era um grande teimoso! Esse homem tinha uma burra muito bem treinada, mas que de vez em quando empancava e quando isso acontecia costumava dizer que “agora é que são elas”, isto porque o burro não gosta de fazer nada forçado, é teimoso e quando cisma em não fazer algo, não faz!
      Beijinhos e tudo de bom.

      Eliminar

Não guardes só para ti a tua opinião. Partilha-a com todos.